Receba as atualizações, novidades, lançamentos, dicas, artigos e muito mais! Inscreva seu e-mail:

07/05/2013

Nem sempre o que nos dá prazer é o melhor para nós

O hábito difere do instinto, que é um comportamento inato, não aprendido.  E é por isso que discordo quando dizem que temos que “fazer somente o que nos dá prazer”. Considero esta ideia irrealista, pois imagine se na vida só fizéssemos o que nos causa satisfação? 

Conscientizar-se de que nem tudo que é prazeroso nos é benéfico, bem como muitas coisas que não nos desperta interesse nos fará muito bem é um grande passo rumo à mudança de atitudes.


Podemos aprender novos hábitos e até mesmo pegar “gosto” por eles.
Concordo que não iremos sentir grande motivação por tudo, mas podemos começar a identificar aquilo que não nos é tão prazeroso, mas que esteja ao nosso alcance de realizar.

Não adianta... a razão sempre conflitará com a emoção. Quem deve ganhar? Aquela que lhe proporcionará o alcance de suas metas e consequentemente lhe gerar sentimentos de satisfação pela “coisa” conquistada, seja o emagrecimento, um corpo definido e etc.

Mude sua cabeça!

Forte abraço,

Psicóloga Carla Presutti

Quer EMAGRECER de um JEITO diferente? Conheça o EMAGRECENDO COM A CABEÇA

Um comentário:

  1. Já estou te seguindo
    seu blog é maravilhoso, convido você e suas leitoras a conhecer meu blog
    http://toobege.blogspot.com.br/
    beijinhos

    ResponderExcluir

Faça parte do Emagrecendo Com A Cabeça. Siga-nos!