Receba as atualizações, novidades, lançamentos, dicas, artigos e muito mais! Inscreva seu e-mail:

O que é EMAGRECENDO COM A CABEÇA



Como psicóloga acredito que emagrecer envolve três pilares:

1) Orientação Nutricional
2) Atividade Física
3) Reeducação Cognitiva / Comportamental, que em outras palavras seria o suporte psicológico

Geralmente as pessoas se limitam à restrição alimentar, e se esquecem de que é crucial aprender a LIDAR com as COGNIÇÕES e EMOÇÕES que levam ao comportamento disfuncional na hora de comer, que diga-se de passagem, é a parte mais delicada no processo de emagrecimento – controlar a vontade/ impulsos.

Foi pensando nisso que decidi registrar o nome do meu trabalho na área da psicologia do emagrecimento como EMAGRECENDO COM A CABEÇA, para ressaltar a importância das mudanças psicológicas quando o assunto é emagrecer, isto é, emagrecer é um processo que começa de dentro para fora e não há recursos externos que possam proporcionar para a pessoa aquilo que ela necessita fazer por si mesma. 


Daí a importância do suporte psicológico, porque sozinha a pessoa nem sempre consegue obter o autoconhecimento e o autocontrole necessários para atingir as mudanças e o bem estar interno.
Tenho um slogan que diz NÃO FAÇA DIETA. MUDE HÁBITOS!”  que representa em poucas palavras uma ideia a respeito do atendimento psicológico personalizado que aplico para pessoas que querem emagrecer ou manter o peso. 

O meu trabalho nesta área não se trata de uma fórmula pronta e nem de um manual. Eu adapto à terapia de acordo com as necessidades e objetivos de cada paciente. Busco tratar das questões psicoemocionais envolvidas na obesidade sempre tendo um olhar global da vida do paciente, pois problemas em outras áreas podem interferir no ganho de peso e comprometer o emagrecimento.

Nas sessões, o paciente irá compreender que as emoções são decorrentes de "determinados" modos de pensar/ encarar a si, a vida e demais situações e pessoas que possam lhe cercar e desenvolverá estratégias para melhorar ou mudar o estilo de vida. Em resumo: Autoconhecimento leva ao Autocontrole.

Vejo profissionais da área da saúde frizarem e limitarem-se a dizer que para emagrecer BASTA fazer isto: Reduzir as calorias ingeridas e aumentar a atividade física. Mas, como psicóloga pergunto: 

1)   Como administrar a vontade de comer fora de hora?
2)   Como controlar os impulsos diante da comida?
3)   Como lidar com a ansiedade, depressão, frustração dentre 
outros sentimentos que levam à ingestão excessiva de comida?
4)   Como não repetir o prato ou resistir a um “docinho”?
5)   Como obter motivação para prosseguir com a reeducação alimentar e atividade física ou
6)   Como ter disposição para a prática de exercícios físicos?
7)   Como melhorar a autoimagem e gostar mais de si mesma?
8)   Como? Como? como?

Isso me leva a ter mais do que certeza de que apenas seguir um cardápio hipocalórico e fazer atividades físicas sem focar na parte psicológica que leva o paciente obeso a ter dificuldades em emagrecer, torna a reeducação alimentar incompleta.

A dificuldade está no AUTOCONTROLE: Controle das vontades, dos impulsos de comer, emocional e comportamental.


Enfim, esta é a minha proposta de emagrecimento. Um emagrecimento sustentável a longo prazo, que modifique o estilo de vida através de novos hábitos (mentais, emocionais e comportamentais)  e que torne a pessoa mais satisfeita e feliz consigo mesma.

Isto é EMAGRECENDO COM A CABEÇA!

Mais informações envie e-mail para: pscarlacris@hotmail.com
Se estiver em São Paulo ligue 2868-2791


22 comentários:

  1. Nossa pena que não moro mais em SP ;( gostaria muitooo de participar, preciso emagrecer, e não consigo...

    ResponderExcluir
  2. Eu gostaria muito de participar eu estou muito doente , sobre este caso que é a obesidade o pior que eu sei que psicologico . e sozinha não tenho força para vencer este vilão que é a obesidade , sofro muito com isso , o pior que eu não moro em SP
    mais quem sabe este grupo vem para cá no Rj

    ResponderExcluir
  3. gostaria muito da ajuda de vcs pois ja tentei muita coisa e nada da certo tenho um metro e setenta e estou pessando noventa e treis
    kilo mi ajudem

    ResponderExcluir
  4. QUE PENA EU MORO NO RJ,EU PRECISAVA TANTO JA FIZ DE TUDO E PARECE QUE MINHA SITUAÇAÕ SO PIORA!

    ResponderExcluir
  5. eu moro na bahia q pena


    ResponderExcluir
  6. oi, queria mais informação, participar, preciso emagrecer, tive câncer engordei e ta muito difícil emagrecer

    ResponderExcluir
  7. Eu moro em Sorocaba, tem alguma indicação por aqui?

    ResponderExcluir
  8. Eu moro em Sorocaba, tem alguma indicação por aqui?

    ResponderExcluir
  9. Boa noite!! Que legal a idéia, adoreii. Sucesso!!!

    Blog: http://lucyemascarenhas13.blogspot.com.br/
    Face: https://www.facebook.com/LucyeMascarenhas
    Grupo: https://www.facebook.com/groups/umamordeblog/

    ResponderExcluir
  10. Olá gostaria de saber se você poderia indicar alguém em Curitiba que faz este tipo de atendimento.
    Agradeço
    Jacqueline

    ResponderExcluir
  11. Gostaria de informacors...ferrazjaque@ig.com.br

    ResponderExcluir
  12. Muito bem argumentado todo seu pensamento e estudo. Já me convenci disso e busco esse trabalho cognitivo. Só não busquei um profissional ainda, mas pretendo fazer isso, já até peguei umas indicações.
    O que ocorre comigo é uma força motivacional enorme por um tempo e consigo fazer tudo no maior foco, mas chega épocas que tudo desanda e me sinto fraca sem poder comigo mesma. Me dá uma raivaaaaa!!E assim vou caminhando num vai e volta de peso que me chateia.Tem quase um ano que mantenho, numas recaidas, um hábito alimentar mais regrado e de umas três semana pra cá a situação está difícil, são muitos fatores externos que comprometem essa estabilidade emocional.
    Estarei sempre aqui
    bjus

    ResponderExcluir
  13. faz isso aqui ...rsrsrs
    http://blogsabrinasecret.blogspot.com.br/~
    parabens adorei seu blog

    ResponderExcluir
  14. Olá, adorei sua postagem... e é isso mesmo que estou sentindo, que pela frustração de não conseguir um emprego, como por isso.
    Tenho absoluta certeza que é emocional o meu caso, hoje estou com 84 quilos e não sinto vontade de fazer nada apenas comer. Não sei como lidar com isso sozinha!
    Por favor me ajudem!!!!!!!!

    Abraço!
    Mari Félix

    ResponderExcluir
  15. Eu emagreci fazendo praticamente esses passos.Tinha quase 200 kg e já se foram 60 Kilos em 10 meses, não foi fácil mas também não é nada impossível!!! Agora estou fazendo exames para fazer a abdominoplastia.

    ResponderExcluir
  16. nossa eu adorei mais eu moro no Rj e eu comecei a fazer dieta pois acho que cheguei ao meu limite pois estou muito acima do peso e pra mim não é nada fácil emagrecer ,tenho 3 filhos e vivo fazendo coisas gostosa pra eles comer além de eu trabalhar com doces mais resolvi colocar um fim em tudo isso e quero emagrecer pois estou ficando doente por causa do peso e gostaria muito de receber ajuda e poder compartilhar minha estória com vcs que estão na mesma luta que eu me adciona no fecebook marilene portela martins

    ResponderExcluir
  17. Eu não canso de dizer o quanto lhe sou grata e amo esse programa! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saiba que fico feliz pelas suas palavras e que torço muito por vc. Faço com muito carinho este meu trabalho e desejo colaborar ainda mais em seu processo de emagrecimento. Beijo no coração minha linda!

      Excluir
  18. Para mim o pior inimigo não é a obesidade, sou eu mesma. Descobri recentemente que realmente não quero fazer nada para emagrecer, não quero mudar hábitos. Quero o resultado (peso ideal, corpo enxuto) sem nenhum esforço (dieta, exercícios, etc.). Não estou com nenhuma vontade de mudar por dentro, só por fora. Não quero buscar prazer em outras coisas, quero o prazer na comida em excesso. Mas vou continuar lendo aqui, quam sabe me motivo com algo.

    ResponderExcluir

Faça parte do Emagrecendo Com A Cabeça. Siga-nos!